Connected-Train-in-Tunnel.BL_.jpeg

Gestão do Conhecimento

O know-how e o conhecimento ferroviário implicam um estudo e atenção permanente às normas vigentes e a aplicação de novas soluções e tecnologias eficientes. É fundamental que, de forma permanente, se possa melhorar e aumentar as competências dos recursos humanos existente, quer ao nível dos mestrados e dos doutoramentos nas universidades, nomeadamente no que se refere a questões específicas relacionadas com a engenharia de sistemas de transportes, quer ao nível da formação profissional e atualização de conhecimentos.

O setor ferroviário será progressivamente tecnologicamente mais complexo, mais automatizado e administrado por menos especialistas, mas por pessoas cada vez mais qualificadas. Da mesma forma, a inovação apoiada por entidades não corporativas dentro do SI&I, terá um impacto direto no corpo técnico envolvido na produção, instalação, operação e manutenção de novas soluções e serviços. Novos conhecimentos e competências serão necessários para aproveitar os benefícios das capacidades tecnológicas existentes ou emergentes.

Principais ações de desenvolvimento:

  1. Desenvolvimento e implementação de uma plataforma de gestão do conhecimento;

  2. Adaptação dos conteúdos programáticos para os níveis de mestrado e doutoramento ferroviário;

  3. Desenvolvimento de Formação Profissional focada no setor ferroviário;

  4. Formação complementar em tecnologias emergentes;

  5. Criação um observatório das ciências e tecnologias com impacto no setor ferroviário.